Eternamente Menina

Abril 04 2005

 

O mundo cibernáutico consegue espantar-me. Esta imagem foi-me gentilmente oferecida pela Rakel, do Blog  Brainstorming e do Voz Oblíqua.

A atitude sensibilizou-me e, nesta ocasião, em que vou escrever sobre um momento que, espero não ser  único, quero agradecer-lhe o prazer que foi receber esta pequena maravilha.

O jantar de aniversário do Pandora's box encheu o meu coração de alegria.

Não sou pessoa de calar os meus sentimentos. Nem os bons, nem os maus. E, esta noite de liberdade para mim, foi realmente única, porque deu-me a conhecer o outro lado deste mundo virtual. As palavras da Pandora, quase no final do jantar, mostraram-me o que pode ser este "mundo". Um mundo de pessoas maravilhosas, unidas pelas palavras e pelos sentimentos que possuem no coração.

Não consegui falar com todas as pessoas que estiverem presentes (sou tímida, eh eh). Nem cumprimentá-las, nem despedir-me. Faço-o aqui, não numa despedida, mas com a convicção de que não faltarei a um próximo encontro. Seja onde for...

Aos meus companheiros de mesa e de gargalhadas, quero agradecer aqueles momentos loucos...

À Pandora o meu agradecimento por me ter permitido estar nesta confraternização.

A todos o meu abraço.

publicado por Menina Marota às 13:26

Tive o previlégio de ficar à tua frente. que marota me saiste! lol
Beijo. Patinho FeioPatinho Feio
(http://quac-quac.blogspot.com)
(mailto:quac_quac@portugalmail.pt)
Anónimo a 13 de Abril de 2005 às 22:33

A blogosfera está a tornar-se, e felizmente, numa espécie de aldeia global, onde nos vemos todos como vizinho e amigos de quem vive mais perto. A cada link, a cada comentário, a cada email, a cada adicionar so msn, a amizade cresce e por vezes (como quem me segue com atenção sabe!) resulta em muito mais. Esses jantares são algo muito bom, pois deixamos o anonimato das teclas por momentos e passamos a ser reais. Só há uma coisa triste nisso tudo... porque é que não convidaram este Alentejano, que vive em Lisboa e tem uma enorme paixão pelo Porto! Eu teria feito o esforço e ido. Estarei aí neste fim de semana... Beijocas para a menina - João A.amadorjp
(http://p3nsam3ntos.blogs.sapo.pt)
(mailto:amadorjp@sapo.pt)
Anónimo a 12 de Abril de 2005 às 10:35

Comiloana! nem avisas cá o pessoal destas coisas boas. aaronaaron
</a>
(mailto:aaron@iol.pt)
Anónimo a 9 de Abril de 2005 às 18:29

Finalmente um beijo e um sorriso.
Adorei conhecer-te menina marota.
Espero reencontrar-te em Beja.
bom fim de semana.Gilda
(http://tardedemais.blogspot.com)
(mailto:gseomara@hotmail.com)
Anónimo a 8 de Abril de 2005 às 19:15

o mundo cibernético tem desvantagens e vantagens...éssa é uma das vantagens,...conhcer boas pessoas...jinhosAzorboy
(http://livretransito.blogs.sapo.pt)
(mailto:marco_Azor@sapo.pt)
Anónimo a 7 de Abril de 2005 às 03:17

Vim deixar um apelo. Esta instituição no Porto que dá apoio ao realojamento de mulheres maltratadas precisa de roupas e de bens para crianças. Quem quiser contribuir:
Cáritas do Porto

Rua Latino Coelho, 314

4000 Porto

D. Sílvia - Telef. 22 5024467

Um sincero obrigada! Elise
(http://letterstoelise.blogs.sapo.pt)
(mailto:letterstoelise@sapo.pt)
Anónimo a 6 de Abril de 2005 às 13:19

Passei para deixar um beijinho de continuação de boa semana.antonio san
(http://xtema.blogspot.com)
(mailto:antoniosan1@hotmail.com)
Anónimo a 6 de Abril de 2005 às 13:17

Já vi que conheces Viana, (minha terra de adopção) e com certeza que o autografo do Jorge Amado foi conseguido no Manel Natário, certo?
Beijinhomicas
(http://acoisadamicas@blogspot.com)
(mailto:acoisadamicas@hotmail.com)
Anónimo a 6 de Abril de 2005 às 12:47

Se a blogosfera não serve para unir as pessoas, para que serve então? ;) (Já agora peço-te que visites, divulgues e ajas... P'los Animais: http://plosanimais.blogspot.com!)Wakewinha
(http://vozobliqua.blogspot.com)
(mailto:rakelpinho@gmail.com)
Anónimo a 6 de Abril de 2005 às 12:43

Ficaste bem na foto... :-))Carlos Tavares
(http://o-microbio.blogspot.com)
(mailto:carlos.roquegest@mail.telepac.pt)
Anónimo a 6 de Abril de 2005 às 12:12

Sobre Mim...
Outras Eternidades