Eternamente Menina

Março 05 2005

naPontadoDedo.GIF

 

Se um dia resolver,
deixar a minha pena correr,
correr sem tino nem jeito,
talvez eu divulgue...
muito daquilo que trago no peito.
Mas se não puder,
divulgar em poesia,
tantos sonhos desfeitos,
em prosa eu divulgarei,
tanta ilusão perdida!
Mas se ilusões eu não tenho,
já que um dia as perdi,
e dos sonhos acordei já...
Que vou eu divulgar escrevendo?
Tolices, tantas que um dia fiz...
Porém esta pobre poesia,
tão pobre, sem jeito nem rima,
vai ser para rir e troçar...
Mas é tão minha que eu sinto,
bem dentro de mim algo gritar...
Não faças caso que riem,
deixa, quem não percebe, troçar...

publicado por Menina Marota às 04:32

A todos deixo um abraço pela presença e pelos comentários. Eles são uma peça fundamental à existência deste Blog. Um obrigada a todos... ;-)Menina_marota
(http://eternamentemenina.blogs.sapo.pt/)
(mailto:Menina_marota@sapo.pt)
Anónimo a 9 de Março de 2005 às 03:33

Não é preciso rimar e quem sou eu (quem somos nós) para criticar. Adoro por aqui passar e parar e ficar :):)aflores
(http://omeublog2004.blogs.sapo.pt)
(mailto:albertoflores1957@sapo.pt)
Anónimo a 6 de Março de 2005 às 10:05

Ninguém rirá, por certo, porque tu escreves com a tua alma... e ela é linda!

Um beijoCris
(http://chatalinda.blogs.sapo.pt/)
(mailto:chatalinda2@hotmail.com)
Anónimo a 6 de Março de 2005 às 03:00

Poema lindooooo!

Beijo...Litostive
(http://litostive.blogspot.com)
(mailto:miriamiluz@hotmail.com)
Anónimo a 6 de Março de 2005 às 02:56

Adorei teu poema. O teu blog está lindo. Parabéns! BeijinhosBlueyes40
(http://silvarosamaria.blogs.sapo.pt)
(mailto:rosasilva@vodafone.pt)
Anónimo a 6 de Março de 2005 às 01:37

Poem e foto lindos! Gostei de ler e ver. Um beijo e bom domingo.Pink, the Lady
(http://hypnos.blogs.sapo.pt/)
(mailto:The_pink_lady@sapo.pt)
Anónimo a 6 de Março de 2005 às 00:02

E quem poderá rir do que dizes com tanta sinceridade e beleza? Gosto de te ler. Beijinhos lique
(http://mulher50a60.weblog.com.pt)
(mailto:lique2@sapo.pt)
Anónimo a 5 de Março de 2005 às 23:30

Escuto-te gritar e o seu grito ecoar nos 7 mares... e a tua vontade de fazê-los ouvir... Adorei o poema. Deixou-me com a sensação de estar preso mas prestes a explodir e sentir a liberdade.O Pensante
(http://opensativo.blogspot.com)
(mailto:lyom@walla.com)
Anónimo a 5 de Março de 2005 às 23:29

Forte e lúcido grito de alma. As almas assim caminham smp. Bjs e Bom f.s :)TMara
(http://estranhosdias.blogspot.com)
(mailto:Tostimara@gmail.com)
Anónimo a 5 de Março de 2005 às 21:27

Agradeço a divulgaçãoMiguel Nobre
(http://www.poesias-minhas.blogspot.com)
(mailto:poesias-minhas@iol.pt)
Anónimo a 5 de Março de 2005 às 20:26

Sobre Mim...
Outras Eternidades