Eternamente Menina

Fevereiro 09 2005

 

 

Horas profundas, lentas e caladas
Feitas de beijos sensuais e ardentes,
De noites de volúpia, noites quentes
Onde há risos de virgens desmaiadas...

Ouço as olaias rindo desgrenhadas...

Tombam astros em fogo, astros dementes.

 

Os meus lábios são brancos como lagos...
Os meus braços são leves como afagos,
Vestiu-os o luar de sedas puras....

Sou chama e neve branca misteriosa...
E sou talvez, na noite voluptuosa,
Ó meu Poeta, o beijo que procuras!

Florbela Espanca


 

Uma forma de agradecimento, pela presença e pela palavra deixada, a todos os que por aqui passaram...

publicado por Menina Marota às 19:48

Belissíma poesia! Parabéns.Allan Roberto Regis
(http://imperfei-cao.blogspot.com/)
(mailto:ar.regis@terra.com.br)
Anónimo a 13 de Fevereiro de 2005 às 11:45

Agora quem se sente honrado pela dedicatória sou eu...Obrigado pelo poema! Obrigado por me considerares grande, pois grande era a Florbela e a sua escrita! Bjitos!ferrus
(http://ferrus.blogs.sapo.pt)
(mailto:falcato.joao@clix.pt)
Anónimo a 13 de Fevereiro de 2005 às 09:57

O meu abraço para todos, não referindo ninguém em especial, porque são as vossas palavras e o vosso apoio que alimentam a minha vontade de permanecer por aqui. As minhas palavras são vossa, bem como o meu abraço.
Bom fim de semana, para todos :-)Menina_marota
(http://eternamentemenina.blogs.sapo.pt/)
(mailto:Menina_marota@sapo.pt)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 13:13

Eu sou suspeito para elogiar a Florbela Espanca, porque a sua poesia é da mais bela e tocante que já lí .
Aprecio sobretudo quem lê poesia e têm coragem de o expor . Numa sociedade altamante competitiva e capitalizada, as emoções estão reprimidas e os gabinetes de psicólogos e psiquiatras cheios...

Beijos para tí menina marota...Karlos Alberto
(http://www.palavrasilustradas.blogspot.com)
(mailto:can_lopes@netcabo.pt)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 12:48

Adorei,,, um bom fim de semana para ti tb. ;) ***Poeta Amigo
(http://poetasamigos.blogs.sapo.pt)
(mailto:poetasamigos@sapo.pt)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 12:46

Lindo...Florbela era fantástica com as letras...
JinhosBlue
(http://sentidosocultos.blogspot.com)
(mailto:sentidos_ocultos_80@hotmail.com)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 12:28

Obrigada pela visita e por Florbela.hfm
(http://linhadecabotagem.blogspot.com)
(mailto:linhacabotagem@yahoo.com)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 12:11

B'dia :) n/ percebi...estás de partida, de abalada, de malas feitas....?????? Olha adorei o poema. Conheço a obra de Florbela (e fora os contos k são medianos)a poesia é daas grandes e mal reconhecidas poesias portuguesas. Mal amada por sxer mulher e ser como era - diferente, excessiva - Ainda hoje minimizam a poesia dela. >Deixá-los....Bjs e :) :) :) :) p/ enfeitares as janelas e as esquinas da vidaTMara
(http://estranhosdias.blogspot.com)
(mailto:conceicaoeugenio1@hotmail.com)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 11:37

Obrigado p'la " Prenda " :) beijokasJorge D'Alfange
(http://tounotop.blogs.sapo.pt)
(mailto:D_Alfange@sapo.pt)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 11:05

A Igreja deve ser Ùna e Santa...

Está na hora da igreja e dos cristãos únirem as mãos e repúdiarem definitivamente a banalização da união de facto entre homosexuais....

Não somos contra os homosexuais, somos contra o homosexualismo...

Não somos contra os toxicodependentes , somos contra a droga...

Não somos contra as mães que abortam , exigimos condições de vida para elas disporem de outras opções...

Esta semana deve servir de reflexão , agora que esta garantida coligação governamental que certamente vai banalizar todos estes aspectos....

Vamos dizer não á imoralidadeliebchan
</a>
(mailto:liebchan@hotmail.com)
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2005 às 10:00

Sobre Mim...
Outras Eternidades