Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eternamente Menina

Eternamente Menina

14.01.15

... aquele que escreve


Otília Martel

Autor desconhecido

 

Como o sonho dum sonho, arde
na mão fechada de Deus o que passou.
É cada vez mais tarde
onde o que eu fui sou.

Que coisa morreu
na minha infância
e está lá a ser eu?
A lâmpada do quarto? A criança?

Em quem tudo isto
a si próprio se sente?
Também aquele que escreve
Já não é o mesmo nem diferente.  

Manuel António Pina
in, “A Lâmpada do Quarto? A Criança?”
a pág.s 12 (Gota de Água - 1981)

 

01.01.15

Parabéns Blogue. Salvé, Ano Novo...


Otília Martel

parabensEternamente_Menina.jpg

 Perfez 10 anos no passado dia 19 de Dezembro que dei início a este blogue.

Vinda dos Fóruns e similares aquele mundo virtual tornou-se pequeno para a minha necessidade de partilha e resolvi aderir à Blogosfera.

Confesso que o facebook e a vida me afastaram (e muito) daqui.

Mas não me esqueço, nem às pessoas que, durante anos, acompanharam quase diariamente este local onde partilhava a minha visão do mundo e o meu sentir.
A propósito do blogue Sete Mares do Jorge de Castro que, igualmente perfez 10 anos, recordei que este blogue também estava de parabéns.

Um tempo que recordo com carinho assim como aos comentadores que, assiduamente, liam e comentavam.

Foram anos memoráveis que gostaria de assinalar, deixando um abraço a todos os que durante este tempo me acompanharam.  

Obrigada.
feliz2015.jpg